28.11.09

PRÊMIO AMSOP DE COMUNICAÇÃO 2009




Ontem foi realizada a entrega dos troféus aos vencedores do Prêmio Amsop de Comunicação.
Eu conquistei mais dois troféus e a galera da TV Sudoeste levou todos na categoria tevê (tinha cinco emissoras competindo).
Foi uma semana de muitas vitórias e alegria para todos.
O resultado em tevê foi o seguinte:
TEMA LIVRE
1o - Juliano Mitrut
2o - Tiago Tessaro
3o - Marilena Chociai
TEMA "CULTURA"
1o - karoline Paim
2o - Ari Lima
3o - Marilena Chociai
Parabéns pra toda a equipe da TV Sudoeste!!!!!

26.11.09

PRÊMIO OCEPAR: VENCEMOS!




Hoje foi um dos dias mais emocionantes da minha vida profissional.
Estivemos em Curitiba no Encontro Estadual de Cooperativistas, realizado no Teatro Positivo, onde também aconteceu a revelação dos vencedores do Prêmio Ocepar de Jornalismo
Eu sabia que estava entre os três primeiros, mas o anúncio do primeiro lugar me deixou muito emocionada.
Nestas horas passa um filme na cabeça, a gente lembra das pessoas que amamos, do orgulho que elas vão sentir. Lembrei dos meus pais, dos meus filhos, queria que estivessem comigo.
Porque aquele prêmio é a prova material de que tantas horas de estudo, de viagens para fazer especialização, de ausência em casa, valeram a pena.
Também estou feliz por poder dar à empresa (TV Sudoeste) que acredita em mim e na minha equipe, a resposta por tantos incentivos que recebemos.
Enfim, obrigada a todos que torceram por mim.
E parabéns ao colega Edson Honaiser da Rádio Celinauta, que recebeu o Prêmio Especial Ramo Saúde.

O resultado em telejornalismo foi o seguinte:

1º LUGAR - TV SUDOESTE - REDE CELINAUTA DE COMUNICAÇÃO - Autoria: MARILENA CHOCIAI - Tema: "Cooperação, da escola para a vida";

2º LUGAR - RPC - TV OESTE / CASCAVEL - Autoria: PRISCILA LUPARELLI, EDNA DE SOUZA E LUIZ HAAB - Tema: "Cooperativa Sustentável";
3º LUGAR - RIC RURAL - RIC TV - Autoria: SÉRGIO MENDES - Tema: "O que está por trás do rótulo de um produto feito por uma cooperativa do Paraná".

24.11.09

FINALISTAS DO PRÊMIO OCEPAR DE JORNALISMO

Foram conhecidos nesta segunda-feira (23/11), a relação dos profissionais e veículos de comunicação finalistas ao VI Prêmio Ocepar de Jornalismo. Cada um dos selecionados foram convidados a comparecer na quinta-feira, dia 23/11 no Teatro Positivo, as 15h30 para a solenidade de anúncio dos vencedores do 1º, 2º, 3º lugar e prêmios especiais ramos saúde e ramo crédito. Neste ano, o prêmio contou com a inscrição de 82 trabalhos nas categorias Jornalismo Impresso, Telejornalismo, Radiojornalismo e Mídia Cooperativa. Segundo o coordenador da Assessoria de Comunicação do Sistema Ocepar, Samuel Milléo Filho, os membros da Comissão Julgadora afirmaram que neste ano a disputa foi bastante acirrada devido a qualidade dos trabalhos apresentados. "Com certeza foi um dos julgamentos mais detalhados que tivemos em todas as edições já realizadas. Para nossa satisfação a categoria mídia cooperativa, que premia os trabalhos inscritos por colegas que atuam nas assessorias de imprensa das cooperativas, vem se especializando cada vez mais, mostrando sua força em melhor divulgar as principais ações realizadas pelo sistema cooperativista", lembrou.

Julgadores - A Comissão Julgadora foi composta pelos jornalistas Márcio de Oliveira Rodrigues, Presidente do Sindicato dos Jornalistas Profissionais do Paraná - Sindijor; Roberto Monteiro, da assessoria de comunicação do Instituto Emater-PR; André de Oliveira Franco, diretor da Associação de Jornalistas do Agronegócio do Paraná (Ajap) e Elvira Fantin, da diretoria de comunicação da Federação das Indústrias do Estado do Paraná (Fiep), além do engenheiros agronômos, Flávio Turra, Gerente Técnico Econômico do Sistema Ocepar e Leonardo Boesche, Gerente de Desenvolvimento Humano Sescoop/PR. Os trabalhos da comissão foram coordenados pelo jornalista do Sistema Ocepar, Samuel Z. Milléo Filho.
Finalistas:
1. Jornal Coamo - Autoria: Vanderlei Maciel Camargo - Tema: "Integração lavoura pecuária: coprodução rentável e sustentável";
2. Revista C.Vale - Autoria: Sara Ferneda Messias - Tema "Cooperativismo: abrigo contra problemas da economia e do clima";
3. Revista Frimesa - Autoria: Elis D'Alessandro - Tema: "Os efeitos da cooperação";
4. Rádio Celinauta - Autoria: Edson Honaiser - Tema: "Combate à mortalidade infantil e compromisso com o social: marcas da Unimed no Sudoeste";
5. Rádio CBN Curitiba - Autoria: Fabio Tomich Buchmann - Tema: "Cooperativas: produção e qualidade";
6. Rádio CBN Maringá - Autoria: Luciana Peña - Tema: "Agroindústria no Paraná: emprego, renda e qualidade";
7. Rádio Banda B - Autoria: Denise de Mello - Tema: "Do campo à mesa - leite paranaense com garantia de qualidade";
8. Jornal Gazeta do Povo - Autoria: Luana Gomes - Tema: "Hora de cooperar";
9. Jornal Gazeta do Povo - Autoria: Guido Orgis - Tema: "Cooperativas querem 10% do setor financeiro";
10. Boletim Informativo Faep - Autoria: Cynthia Calderon - Tema: "Malte. A alma da cerveja";
11. Revista Geração Sustentável - Autoria: Juliana Cristina Sartori - Tema: "A moda verde invade passarelas e vitrines";
12. RIC Rural - RIC TV- Autoria: Sérgio Mendes - Tema: "O que está por trás do rótulo de um produto feito por uma cooperativa do Paraná";
13. TV Sudoeste - Rede Celinauta de Comunicação - Autoria: Marilena Chociai - Tema: "Cooperação, da escola para a vida";
14. RPC - TV Oeste - Autoria: Priscila Luparelli - Tema: "Cooperativa Sustentável".

fonte: imprensa/ ocepar

23.11.09

Prêmio Ocepar de Jornalismo

Eu e o jornalista Edson Honaiser estamos entre os finalistas do Prêmio Ocepar de Jornalismo, realizado pela Organização das Cooperativas do Paraná. Eu em TV (TV Sudoeste) e ele em Rádio (Celinauta AM). A entrega dos prêmios será quinta, 26, em Curitiba. Torçam pela gente!!!

16.11.09

É Natal!

A cidade de Pato Branco está linda!
Só pra dar um gostinho estou postando uma foto que peguei com a Assessoria de Imprensa da prefeitura (Da Graxa). Prometo postar outras nos próximos dias.

É possível fazer cultura em cidades pequenas, sim!

13.11.09

Natal de Luz

Neste sábado será realizada a abertuda do Natal de Luz em Pato Branco. A festa acontece a partir das oito da noite na praça da Matriz com chegada do Papai Noel e apresentações artísticas. Vale a pena confeir. Nossa cidade está lindíssima, conseguiu superar a decoração do ano passado, que já era bonita demais.
Quem nao puder vir sábado, venha outro dia. Traga a família para dar um passeio pelas ruas do centro, tirar umas fotos...
No começo eu impliquei com os soldadinhos mas agora juro que ficou bonito!!!
Vou fazer umas fotos nesta semana pra postar aqui.

7.11.09

O lado oculto da notícia

Se aos leitores, telespectadores e ouvintes de rádio fossem revelados os antecedentes e os bastidores da notícia, os cidadãos para quem os jornalistas escrevem e falam ficariam mais aptos para a relação crítica com o jornalismo. E descobririam que o jornalismo de hoje é marcado pelo poder competente das fontes – algo que jornais e jornalistas se empenham em esconder dos seus públicos.

(do blog do Prof. Carlos Chaparro, link nos meus favoritos)

6.11.09

QUEM É O LIXO?

Mais de uma semana depois da enchente, autoridades municipais se mobilizam em um grande mutirão contra a dengue.
A ideia é fazer um arrastão por todos os bairros e recolher tudo quanto é lixo acumulado, principalmente recipientes que podem acumular água e proliferar larvas de mosquitos transmissores da doença.
Para isso o municipio conta com a boa vontade da população que precisa pelo menos tirar o lixo dos seus quintais para que seja recolhido pelas máquinas.
Atitude louvável! Até porque ainda tem muita gente esperando que a prefeitura vá lá dentro das casas deles pra recolher os entulhos trazidos pela enxurrada.
E como tem entulho!
Dei uma circulada pelo bairro São João hoje e na casa de um morador o lixo está exatamente onde foi acumulado no dia da enchente. Ele não recolheu uma garrafa plástica sequer, nenhuma! E aí fica ele, filhos, sapos, ratos, todos convivendo naquele ambiente de sujeira. O homem, que está desempregado, me disse que está esperando a prefeitura ir lá limpar o terreno dele.
O que esperar de um povo assim, sem iniciativa?
Quem garante que não vão continuar jogando lixo nos córregos, na rua, pra entupir bueiros e rios novamente e provocar mais estragos?
E não é preciso ir até os bairros mais pobres pra ver exemplos desta falta de educação.
Outro dia, bem no centro da cidade, presenciei a atitude deplorável de um cidadão muito bem vestido, entrando no seu carrão, deliciando-se com seu sorvete depois de ter jogado a embalagem no meio da rua, no chão, logo que saiu da panificadora.
Fiquei passada! Pior é que no carro do cidadão ainda tinha um adesivo da OAB (Ordem dos Advogados do Brasil). Que vergonha para uma instituição tão respeitada!
Depois dizem que jogar lixo na rua é coisa de gente pobre e sem cultura!
Garanto que na próxima chuvarada, a embalagem do sorvete dele vai entupir bueiro e alagar lá os bairros mais pobres.
Quem é que vai pagar esta conta???

COOPERAÇÃO, da ESCOLA para a VIDA

1.11.09

NOSSA CULTURA IMPORTADA

Sábado foi dia de Halloween, a festa das bruxas!
Andando pela cidade, achei bonito ver a criançada fantasiada de monstro nas ruas, andando de casa em casa dizendo “doces ou travessuras”.
Por outro lado, fiquei curiosa sobre a origem desta tradição. Sem muito esforço, descobri na net que o "Halloween é um evento tradicional e cultural, que ocorre nos Estados Unidos, Canadá, Irlanda e Reino Unido, e tem como base e origem as celebrações dos antigos povos."
Resumindo, o tal dia das bruxas é mais uma tradição importada por nós brasileiros.
O pior disso tudo é que conversando com as crianças fiquei sabendo que é a própria escola quem estimula essa cultura importada.
Tudo bem se a brincadeira é divertida para a molecada. Mas em vez disso, não dá pra escola inventar uma atividade no dia do Saci Pererê, por exemplo???
Seria bacana ver todo mundo numa perna só e dizendo: “doces e pulinhos”.
Continuo meu caminho de casa... e passo em frente da prefeitura. O prédio está bonito, todo enfeitado para o Natal. E neste ano está um pouco diferente. É que botaram soldadinhos ingleses para vigiar a porta. Soldados ingleses!!!!!
Será que nenhum soldado da guarda brasileira serve pra tal função?
Vai ver que o uniforme dos ingleses é mais alegrinho, tem vermelho.
Enfim, é mais legal reproduzir fantasias que vemos na tevê ou nos filmes de Hollywood, o povo gosta, acha bonito... ainda mais no Natal!
Só deixo aqui um pedido. Pense melhor na hora de montar seus pinheirinhos com suas crianças.
Nada de algodão, no Brasil não neva em dezembro!

Quem sou eu

Minha foto
Pato Branco , Paraná, Brazil
Jornalista da Tv Sudoeste, Rede TV! uma das emissoras da Rede Celinauta de Comunicação.