10.12.08

Eu vejo flores em você



















fotos: Marilena Chociai







Ilha do Mel
















Pedacinho do paraíso no litoral paranaense.
fotos: Marilena Chociai (dez/2008)

25.11.08

ESTRÉIA!!!!


Uma das grandes emoções da minha vida foi ver minha primeira produção na telona... em Bejucal, Cuba!!!!
E os aplausos dos espectadores...

23.11.08

PRÊMIO AMSOP DE COMUNICAÇÃO 2008


A revelação dos vencedores aconteceu no dia 20 de novembro, no Santa Fé Clube de Campo em Francisco Beltrao. Na foto estou com a repórter Karoline Pain, colega de emissora e nossos troféus.
É a mulherada fazendo jornalismo de qualidade. Parabéns a todos os premiados.

Fazendo cinema em Cuba

Receber um e-mail com a notícia de que meu currículo havia sido selecionado pela Escola Internacional de Cinema e Tv em Cuba, em dezembro de 2007, foi um dos momentos importantes da minha vida profissional. A especialização em produção de documentário que até então parecia devaneio de uma jornalista com experiência, mas recém saída da faculdade, agora se transformaria em algo real.
A EICTV é uma das instituições não-governamentais mais importantes do mundo em produção de cinema e tv e também emc formação e direção de atores. Criada em 1985 pelo Comitê de Cineastas da América Latina e presidida pelo escritor Gabriel Garcia Márquez, pertence à Fundação do Novo Cinema Latinoamericano e recebe jovens da América Latina, Caribe, África, Ásia, Oceania e Europa nos cursos regulares de cinema, além das oficinas de especialização, como a minha, de Documentário.
Foi neste lugar praticamente isolado de Cuba, em uma área rural no pequeno município de San Antonio de Los Baños a 40 quilomentros de Havana, que passei três semanas da minha estada em Cuba. Aqui, gente do mundo inteiro fala a mesma língua: cinema. Na minha turma de Documentário, por exemplo, havia produtores de TV, documentaristas e jornalistas espanhóis, italianos, chilenos, argentinos, cubanos e brasileiros. Além de todo o conhecimento que a EICTV me proporcionou em teoria e prática, a convivência com pessoas tão experientes em áreas específicas da produção audiovisual foi o que mais valeu a pena.

A ilha de Cuba

Cuba é uma nação cheia de encantos e contrastes. Desde as praias maravilhosas, passando pela arquitetura exuberante de Havana, até os pequenos “pueblos”, municípios distribuídos ao longo da ilha onde a população vive de maneira muito simples, sem acesso às novas tecnologias, internet, poucos telefones fixos e quase nenhum aparelho celular. Os carros são da década de 50, o que sobrou antes da revolução e do bloqueio econômico. Os veículos novos, inclusive os táxis, pertencem ao governo. Os taxistas de Cuba, assim como a maioria dos profissionais com formação superior, recebem salários que não passam dos 30 dólares. O turismo é a oportunidade de faturar um pouco mais. Por isso não é raro encontrar motoristas psicólogos, engenheiros ou médicos.
Os cubanos são muito acolhedores. Logo nos convidam a entrar nas casas, tomar um café fresco, ouvir histórias ou fazer trovas. É um povo que valoriza muito sua cultura, gosta de se reunir na praça central aos finais de tarde para conversar, beber rum ou cantar. O tempo dedicado às atividades sociais ainda não foi substituído pela rede mundial de computadores. No pueblo de Bejucal, onde gravamos documentários, há cerca de 20 mil habitantes. Apesar de pequena, a cidade tem teatro, cinema, centro cultural e ensino gratuito de instrumentos musicais e até canto lírico para as crianças. Os cubanos adoram o Brasil e os brasileiros. Muito por influência da televisão que exibe nossas novelas. Admiram Jorge Amado, Paulo Coelho, e na música, cantores como Djavan, Caetano, João Gilberto, Tom Jobim. Muitos desejam morar no Brasil, movidos pelo sonho do país lindo, cheio de oportunidades e luxos, vendido pela televisão.
O contraste para mim vem do que os turistas conhecem. Para os visitantes os hotéis são luxuosos, os carros são novos. O roteiro dos passeios não inclui as construções que desmoronam na periferia de Havana por falta de manutenção ou a simplicidades dos pueblos onde estão escondidos alguns dos maiores tesouros de Cuba.
Para quem realmente deseja conhecer o país socialista, recomendo o contato com o povo. As praias são exuberantes, sim, e é muito bom passar algumas tardes sob o sol escaldante tomando uns "mojitos", naquele mar transparente e com águas mornas ou conhecer monumentos históricos. Mas conhecer a cultura, os hábitos dos cubanos, passar um final de tarde na praça conversando como os moradores... isso não tem preço!

24.8.08

SALÁRIO DE JORNALISTA

Há poucos dias tive o desprazer de conversar com um representante do Sindicatos das Emissoras de Rádio do Paraná sobre a questão salarial de jornalistas.
Pasmem senhores jornalistas! Mas o que concluí ao final da conversa é que somos meros "estorvos" na vida de proprietários de emissoras.
A mais nova discussão é sobre o salário. As emissoras querem redução do piso slarial para jornalistas que vivem no interior do Estado. E sabem por que? Porque entendem que o custo de vida é menor...
Sinceramente, não sei se rio ou se choro!
Atualmente gasto mais de mil reais por mês para fazer uma pós-graduação na minha área em Curitiba. Isso é custo de vida menor???? Ou será que as emissoras não enxergam benefícios na formação profissional e preferem funcionários passivos?
Bem... é uma longa discussão para quem mal tem sua profissão regulamentada.
E eu ainda tenho que ouvir alguns engraçadinhos dizendo: "bem feito, quem mandou querer ser jornalista?"

20.8.08

PROPAGANDA ELEITORAL

Já está no ar a propaganda eleitoral de rádio e TV. No primeiro dia, o que se viu em todos os programas dos candidatos a prefeito, foi um enorme apelo emocional e boa qualidade de produção. Aliás é muito bom ver gente da casa produzindo com qualidade.
Quando aos candidatos a vereador, ...! Alguém tem que orientar esse povo a conhecer melhor pelo menos a Lei Orgânica do Municipio e o regimento interno das câmaras municipais. Tem gente prometendo o que quase nem o prefeito pode fazer!!!!

COMEÇOU


Foi iniciada a maratona de 14 debates que serão levados ao ar pela Tv Sudoeste todas as segundas e quintas-feiras. Os primeiros a participar foram os candidatos de Pato Branco.
O que observei foi uma grande preocupação dos candidatos em mostrar e discutir propostas. É claro que agressões fazem parte, mas acredito que a democracia venceu e esperamos que continue assim.
foto: Diário do Sudoeste

17.8.08

A Hora da Verdade - O DEBATE

Quatro anos se passaram e aqui estamos nós, novamente discutindo eleições municipais.
Desta vez prometi acompanhar tudo à distância... até porque não vou votar. Não por falta de cidadania, é que estarei em Cuba estudando documentário na data das eleições.
É claro que este é o assunto de todas as rodas. Principalmente agora que os primeiros debates começam a ser realizados. Só a Rede Celinauta, grupo da TV Sudoeste, vai fazer 14 debates com candidatos de dez municipios do Sudoeste do Paraná. E o primeiro será nesta segunda-feira (18), com os candidatos de Pato Branco, 'as 22:00h.
Sem dúvida, será uma oportunidade incrível para toda a população analisar seus candidatos. O diferencial deste debate está no questionamento imediato das colocações e propostas - por jornalistas e pelos próprios candidatos - além da possibilidade de falar para um mesmo público, em cadeia de rádio e tv aberta, ao mesmo tempo.
Sabemos que os três candidatos de Pato Branco - Nereu Ceni, Peterson Cantu e Roberto Viganó - têm potencialidades distintas e muito o que mostrar e propor. Portanto, esperamos que o bom senso prevaleça, que este evento não se transforme em um espetáculo de agressões (como já aconteceu por aí) e sim em um banho de informações importantes pra o eleitor...

PACABÁ

Lula entra no Café Photo,senta-se no balcão do bar ao lado de uma linda garota de programa e diz: - Sou o Presidente de todos os brasileiros, o preferido de 70%dos eleitores e aclamado para resolver todos os seus problemas. Quanto você quer para passar uma noite comigo?
- Se o Senhor conseguir fazer o seu pênis crescer como fez com os juros , e mantê-lo duro como estão todos os brasileiros , levantar minha saia como está fazendo com os impostos, baixar minha calcinha como está fazendo com os salários, mudar de posição como mudou na sua vida política e me foder com tanto jeitinho como está fodendo o povo Brasileiro, É DE GRAÇA.

24.7.08

BELEZA É FUNDAMENTAL?

Da boca para fora, Vinicius de Moraes não titubeava: "Beleza é fundamental". Ele próprio, no entanto, tinha barriguinha aparente, fumava até amarelar os dentes e conseguia ser ao mesmo tempo meio careca e descabelado. Nem por isso o poetinha sofreu com falta de pretendentes. Vinicius é um bom exemplo de como são duvidosos os juízos sobre a beleza. Melhor pensar direito antes de adotá-los como verdade absoluta. Ou antes de sair perseguindo as formas de uma garota de Ipanema.

É verdade que nunca a imagem foi tão privilegiada, mas isso não quer dizer que sejamos reféns dos padrões dominantes de beleza. Primeiro, é preciso entender como esses padrões são criados. Sim, criados. Os lábios e, ah, as curvas da Gisele Bündchen podem parecer universais, mas nossa admiração por sua figura magricela é um traço cultural. Em segundo lugar, beleza não é só aparência física. Pesquisas mostram que atitudes bacanas e traços positivos de personalidade, como bom humor, fazem com que as pessoas sejam percebidas como mais bonitas. Quem está ao seu redor passa a misturar as qualidades, borrando as fronteiras entre os atributos estéticos e os de personalidade. E isso não é conversa de auto-ajuda para os feiosos. Essa confusão de sentidos, que faz o risonho parecer bonito, tem nome científico: chama-se perda da objetividade.

O melhor de tudo é que essa beleza expandida, que inclui o número de bons-dias que você dá e outros quesitos, pode ser cultivada. E não estamos falando de cumprir pena na academia de ginástica. A idéia é: ressalte o melhor que você tem por dentro e fique melhor por fora. "Você não precisa ser lindo para ser bonito", afirma o cantor Wando, uma autoridade em matéria de beleza interior. Malhar a auto-estima, anabolizar a confiança e esculpir a autenticidade são tratamentos de beleza. Como costuma dizer a publicidade de cosméticos, "todos vão notar". Não há um jeito certo de ser bonito, nem um jeito errado. Cada um encontra sua beleza.

Padrão universal
Falando assim, parece simples ser bonito. E é. Basta procurar os parâmetros do que é belo no lugar certo, ou seja, em você. Se deixar que os outros decidam isso, vai morrer esperando, porque a discussão sobre o que é beleza começou há séculos e não vai acabar nunca. Começa com os filósofos gregos, para quem a beleza estava ligada à virtude moral, o que, bem grosso modo, quer dizer o seguinte: se você é bonita, tem um narizinho arrebitado e aqueles olhos de que eu gosto tanto, provavelmente é também honesta, fiel e mais uma porção de boas coisas. A beleza estava no objeto. Só no século 18 foram perceber o óbvio: a beleza está nos olhos de quem vê. De fato, é fácil constatar isso: as madonas que pareciam lindas aos olhos dos pintores renascentistas são rechonchudas demais para os padrões anoréxicos da moda atual. Para quem não agüenta ver uma sueca ou um norueguês sem suspirar, saiba que os navegadores europeus assustavam muita gente. Para nativos da América, África e Ásia que nunca tinham visto europeus, eles pareciam fantasmas, com suas peles e cabelos claros.
Mas quem matou a charada foi o filósofo alemão Hegel, que disse, no século 19, que o prazer com o belo é um deleite narcísico. Em outras palavras: admiramos aquilo que é o reflexo de nós mesmos. "Em cada época, o que destoa do padrão vigente é considerado incômodo, estranho, feio", diz Charles Feitosa, doutor em filosofia que pesquisa a estética do feio e autor do livro Explicando a Filosofia com Arte. "Aprender a relativizar o conceito de beleza é aprender a lidar com o outro, com o diferente", diz.

Encontre sua beleza
Comece por não se deixar levar só pela aparência. Explicando melhor: contrariando a primeira impressão, os atributos unicamente estéticos não são o principal quesito usado pelas pessoas para avaliar as outras. Pesquisa em 37 países sobre o que homens e mulheres consideravam mais importante na hora de escolher o parceiro amoroso deu que, para os homens, a boa aparência é o décimo quesito, atrás de estabilidade emocional, inteligência e sociabilidade, por exemplo. Entre as mulheres, ficou em 13º, ultrapassada por elegância, ambição e boa perspectiva financeira.
Mesmo em carreiras em que o visual conta muito, a beleza está longe de ser o único critério de avaliação. "A maioria dos modelos e artistas sofre demais para se adequar a um padrão estabelecido", diz o modelo Paulo Zulu. "Mas o visual pode ser o cartão de entrada e também o cartão de saída. O que fica é o caráter." Para os repórteres e apresentadores de televisão, por exemplo, simpatia, naturalidade e, sobretudo, credibilidade são atributos até mais importantes do que um rosto bonito. "Há casos de gente que desponta usando apenas a aparência, mas esses acabam sendo sucessos passageiros", afirma Luciana Lancellotti, repórter da Rede Record - uma profissão que requer boa apresentação. "Não adianta nada ser maravilhoso e não criar uma relação de proximidade com o espectador." O cantor Wando diz que há espaço de sobra para artistas como ele. "Não sou lindo. Sou um tipo latino, que se bobear fica meio gordinho. Meu forte é a comunicação, e é isso que faz a beleza da gente ficar grande."
Na busca de sua autêntica beleza, você pode até concluir que vale a pena tentar se aproximar do padrão estético dominante. Isso de fato tornará você mais feliz? A maior parte dos especialistas não vê nada de errado em caprichar no visual, desde que essa aposta não se transforme em algo doentio. "A preocupação com a aparência física é saudável, é uma afirmação da vida. O que não podemos é exagerar, supervalorizar o corpo e esquecer todo o resto", afirma o filósofo Charles Feitosa. É fundamental perceber que há valores mais nobres em jogo, especialmente a sua felicidade. E, nesse ponto, Vinicius de Moraes é incontestável: é melhor ser alegre que ser triste.



(Texto recebido da amiga Gláucea, por e-mail. Autor não identificado)

3.6.08

CAPITAL INTELECTUAL


Meu professor de cinema documentário, Fernão Ramos.
(curitiba, 24.05.08)

18.4.08

A IMPRENSA QUE JULGA E CONDENA - CASO ISABELLA

Não precisa ir muito longe pra encontrar casos como o da menina Isabella Nardoni...
Eu mesma já fiz reportagens sobre mães, eu disse MÃES, nem são madrastas, que mataram seus filhos por algum transtorno. Eram famílias pobres, insignificantes, talvez não rendessem audiência, sei lá.
A diferença aqui é que este caso ganhou repercussão nacional com o apoio total de uma mídia irresponsável.
Acabou o Big Brother Brasil, agora as pessoas vivem um novo tipo de "reality show" com essa história. Precisam de um novo entretenimento, descobrir quem matou Isabella. Cada um se acha no direito de opinar, investigar, julgar.
Isso não isenta os culpados. Só lamento pela pobre menina, estão matando ela umas dez vezes a mais... Pobre família (incluo aqui a dos criminosos) que além de perder um membro, vê sua privacidade sendo invadida pela mídia e pela sociedade como se tivessem esse direito.
Quem discorda, por favor ouça este comentário no endereço a seguir:
http://www.radarcultura.com.br/node/13642

8.4.08

Sangue bom!!!

Minha equipe SANGUE BOM:

O editor André Lessei e o cinegrafista Zumba Peroni.
Segundo lugar no Prêmio Sangue Bom do Sindijor /Pr com a reportagem "Rádio da Revolução", exibida pela TV Sudoeste / Rede TV!

Valeu galera!!!

Dia do Jornalista
Egressa está entre os finalistas do Prêmio Sangue Bom

Segunda, 7 de Abril de 2008

A egressa do curso de Jornalismo da FADEP, Marilena Chociai, jornalista da TV Sudoeste, está entre os finalistas do Prêmio Sangue Bom, promovido pelo Sindicato dos Jornalistas do Paraná (Sindijor-PR). Marilena foi indicada com a reportagem Rádio da Revolução, na categoria Reportagem de TV, e concorre com os jornalistas Odilon Araújo e James Alberti, da RPC (Fantasmas na Prefeitura de Araucária), e Patrícia Matuchewski, da TV Educativa (Poluição Sonora). A entrega do prêmio acontece hoje à noite, 07 de abril, no auditório A do Setcepar, em Curitiba. Na ocasião, também será comemorado o Dia do Jornalista.A jornalista comenta que a reportagem Rádio da Revolução foi produzida no mês de junho de 2007 e fala sobre o aniversário da Rádio Celinauta AM, a primeira emissora do Sudoeste do Paraná. No ano passado, a TV Sudoeste realizou uma série de matérias abordando o cinqüentenário da Revolta dos Posseiros e a rádio teve um papel importante no movimento. “Era uma época em que o rádio era praticamente o único meio de comunicação entre as comunidades rurais”, destaca Marilena.Durante o desenvolvimento da reportagem, a jornalista contou com o apoio da equipe de funcionários e direção da Rede Celinauta de Comunicação, principalmente do cinegrafista Evadi Peroni e o editor André Lessei, além da diretora do Departamento de Cultura de Pato Branco, Cirene Miotto, também jornalista formada pela FADEP.Marilena salienta que as pessoas do Sudoeste são muito receptivas e que sentem necessidade de contar sobre as suas experiências. Ela frisa que os pioneiros tiveram fundamental importância na matéria, tanto nas entrevistas como na entrega de materiais de pesquisa, sobretudo o Frei Policarpo Berri que, segundo a jornalista, é o pai da comunicação no Sudoeste.Sobre a indicação ao prêmio, Marilena diz estar surpresa por ter se classificado entre os finalistas. Ela afirma que prêmio do gênero, além de proporcionar reconhecimento, valoriza o currículo profissional. “Prova também que a dedicação, a busca pelo aperfeiçoamento, a valorização do trabalho em equipe e a paixão pelo que se faz sempre valem a pena”.Atualmente, Marilena está cursando pós-graduação em Cinema pela Universidade Tuiuti do Paraná e realizará em setembro uma especialização em Documentário pela Escola Internacional de Cinema e TV, em Cuba. “Quando entrei na faculdade tinha apenas experiência e paixão. Hoje tenho técnica, conhecimento teórico e mais segurança para produzir”, destaca a jornalista.
fonte: Agência experimental de jornalismo / Fadep - www.fadep.br

31.3.08

PRÊMIO SANGUE BOM, SOU FINALISTA!!!!

Confira os classificados em todas as categorias no site do Sindicato dos Jornalistas do Paraná. (www.sindijorpr.org.br)

26.3.08

A busca eterna pela perfeição

Quem nunca se pegou num dia entediante em que espera que algo aconteça, sente que vai acontecer, mas nada acontece?
Amanhece angustiada, olha no espelho e a cara tá enorme... Meu Deus! Os quadris não cabem na calça! Cadê aquela blusa folgada que disfarça minha barriga inchada?
É amiga... Você não tem o direito de estar com TPM!
O mundo não aceita mulheres inchadas, mal-humoradas, não tem espaço só pro seu talento lá.
Na terra dos homens, mulheres são perfeitas. Os seios são fartos, a bunda é empinada e contraria a lei da gravidade.
Ah, quer saber? Vamos parar com esse discurso feminista!
O dia amanheceu entediante e você não fez NADA para torná-lo melhor.
Somos gordinhas sim, a calça aperta sim, às vezes até entra e ficamos muito felizes quando isso acontece. Mas e agora? A pele está cheia de espinhas!
Que droga! Não estou entre as dez mais bonitas da coluna social...
E daí? Danem-se os padrões “impostos pela mídia”!
Foi você que esqueceu de passar o batom, que não percebeu o cara do carro ao lado te dando “aquela” paquerada! ,
Olha amiga, quero mais é poder jantar com vontade quando saio com aquele homem maravilhoso. Tomar todo o vinho, beijar na boca em público...
No fundo acho que ele também busca uma mulher sem frescuras.
E então, qual é o problema? Ah, o problema é seu! Estava tão preocupada com a sua celulite que esqueceu de mostrar a mulher maravilhosa que é!
E agora?
Agora, dane-se você!
Na guerra da auto-estima, você perdeu pra você mesma...

18.3.08

As 50 mais lindas de Pato


O site Mulheres de Pato acaba de divulgar a lista das 50 mulheres mais belas de Pato Branco. Agradeço por ter sido uma das poucas (acho que a única) com mais de 30 anos incluidas no grupo. Valeu!

17.3.08

ADEUS AO MESTRE...


DESPEDIDA A OCTAVIO CORTÁZAR

(Cortázar ministraria minha especialização em Cinema Documentário na EICTV, em Cuba, no mês de setembro)

La muerte de Octavio Cortázar nos tomó a todos por sorpresa. Fue un custodio de guardia en la noche del pasado 27 de febrero quien primero nos trajo la noticia: “Acabo de ver en el noticiero de las ocho que Cortázar falleció. Estaba en España, impartiendo un seminario. Dicen que más tarde van a dar más detalles. A lo mejor fue un infarto”. La fuente parecía fidedigna, pero a todos nos costó trabajo creerlo. Apenas unas semanas atrás lo habíamos visto caminar por los pasillos de la Escuela y no había nada en su expresión que delatara la llegada de “la pelona”, como los guajiros cubanos llaman a la muerte. Sin embargo, al día siguiente constatamos la veracidad de la noticia: todos los medios de prensa nacionales, y muchos extranjeros, se hacían eco de la mala nueva. Y no nos quedó más remedio que acostumbrarnos al hecho de que Octavio ya no estaría más.
(Parte do e-mail enviado pela EICTV/Cuba aos inscritos para o curso de Documentário que seria ministrado por Cortázar)

9.3.08

Mandamentos da Mulher Inteligente

* Mantenha todas as expectativas fundamentadas na realidade.

* Nunca esqueça suas prioridades ou o seu EU.

* Nunca se dedique a um homem mais do que ele se dedica a você.

* Não espere por um homem mais tempo do que ele espera por você.

* Não passe mais tempo analisando os problemas de um homem do que você passa tentando compreender os seus.

* Não transforme um homem mortal no próprio Deus.

*Não cobice a vida da sua vizinha.

* Julgue todos os homens pela consistência de suas ações e não pelas palavras dele.

* Não tolere nenhuma forma de abuso.

* Desenvolva seus próprios talentos, seu próprio potencial e sua própria independência.

* Seja justa com os homens de sua vida e espere justiça em troca.



Fonte: Steven Carter & Julia Sokol –“O que toda mulher inteligente deve saber sobre os homens”

SEAL NO BRASIL... EU VOU!!!!

A primeira vez que ouvi Seal foi aos dezesseis anos... a reação foi imediata, fiquei encantada com aquela voz tão sensual e ao mesmo tempo tão intensa.
Eu vivia o auge das descobertas e emoções da juventude. Foram tantas paixões embaladas por "Crazy" ...
"Future Love Paradise" sempre me fez sentir poderosa, sabe aquela coisa de levantar a auto-estima?
E foram tantas outras canções, tantas histórias... Cada música me remete a um passado vivido intensamente.
"Touch" ... ah! Um grande amor!
E agora, Seal com Heidi Klum em "Wedding Day", meu Deus, quanta sensibilidade, quanta paixão!
Enfim... que voz, que homem, que tudo!
Sim, eu vou!!!!!!!!

2.3.08

Confissões de uma louca apaixonada...

Ah, a PAIXÃO...

É o que me faz acordar todos os dias com um sorriso imenso na cara.
A paixão pela vida, pelo olhar sonolento e mal-humorado dos filhos pela manhã.
Por buscar uma pauta ainda melhor quando como barriga em uma notícia espetacular!
Sou uma louca apaixonada. Porque pra mim a PAIXÃO significa nunca poder ouvir meus Cds quando as crianças estão no carro. É gastar todo meu tempo disponível ou meu dinheiro com os filhos, mesmo sabendo que nunca vou ser reconhecida por isso... e gostar!
É acreditar naquele homem que chega do nada cheio de gentilezas e diz que quer te amar pro resto da vida.
É ficar feliz quando ele te enche de presentes mesmo sabendo que isso não significa amor ou lealdade.
É sentir ciúmes quando ele conversa com uma amiga e dizer barbaridades para ele quando se sentir ameaçada... dizer que ama ou que odeia demais... mesmo sem ter certeza.
Isso é PAIXÃO!
É decepcionar-se com o amor por algumas horas mas nunca esquecer que a fila anda.
Por isso sou uma louca apaixonada. E quando a tristeza chega perto, corro pro espelho, boto uma bela roupa, faço uma super maquiagem, respiro fundo e vou pro mundo... porque ele está aí nos jogando na cara milhares de oportunidades a todo momento. Uma mulher apaixonada está sempre preparada pra quando elas chegam...
Sou assim, uma louca apaixonada! Apaixonada pelos amigos e por tudo o que eles me dão: alegrias, decepções, aprendizado, evolução!
Enfim, apaixonada por mim mesma e nada, nada nessa vida será mais importante do que eu e meus conflitos.
Meu conselho é que primeiro nos apaixonemos por nós mesmos e assim estaremos abertos a dar amor a quem quer que seja!

24.2.08

FESTA DE FORMATURA



Todo meu respeito e admiração a esse empreendedor da comunicação,
Frei Policarpo Berri. Grande orgulho tê-lo em minha festa de formatura.





Minha ex-cunhada e grande amiga
Aliandra Aires.













Com a madrinha de formatura Margarete Camargo e seu marido, o jornalista Rubens Camargo.









Brinde com os "chefitchos" Frei Clésio Wigers, Ari e sua esposa Rose.








Leuci, grande amigo... Sabe bem cada barreira transposta pra chegar até aqui.

Família, meu porto seguro...

Meus pais, Sonia e Luis, e minhas irmãs Maris, Ale e Schell.

















Meus filhotes, companheiros sempre!

JORNALISTA POR FORMAÇÃO!

video

Estamos na disputa!

Egressos participam do Prêmio
Sangue Novo

O curso de Comunicação Social – Jornalismo e Publicidade e Propaganda – da FADEP sempre procura oferecer aos acadêmicos a oportunidade de idealizar e realizar vários projetos. Através da disciplina de Projeto Experimental, os alunos desenvolvem um produto que pode ser para rádio, televisão ou jornal impresso. Quando ministrou a disciplina, no segundo semestre de 2007, o professor do curso, Gelson Barbosa, sugeriu aos acadêmicos que fizessem um projeto que trabalhasse a realidade da televisão regional.Seguindo a indicação, na época, os então acadêmicos – atualmente egressos – Clésio Wiggers, Marilena Chociai, Edson Honaiser, Márcio Antunes e Anderson Munareto formaram um grupo de estudos e tiveram a iniciativa de fazer um trabalho voltado ao histórico da televisão na região Sudoeste.Uma das elaboradoras do projeto, a jornalista Marilena Chociai – que recentemente foi aprovada na Escola Internacional de Cinema e TV de Cuba e passará um mês no país estudando a sétima arte – comentou que toda a produção, roteiro e captação de imagens foram realizados por eles com o auxílio técnico de edição e pós-produção do Laboratório de Comunicação da faculdade. Assim surgiu o documentário TV Sudoeste – Os Desafios de Uma TV Regional. Fundada em 1987, a TV Sudoeste faz parte da Fundação Cultural Celinauta e é filiada da Rede TV. Atualmente, ela atinge 31 municípios da região e algumas cidades do Oeste de Santa Catarina. O trabalho está participando do Sangue Novo, um prêmio que valoriza trabalhos acadêmicos de estudantes de Jornalismo e que é oferecido pelo Sindijor-PR (Sindicato dos Jornalistas do Paraná). De acordo com o assessor do Sindicato, Adir Nasser Júnior, na edição de 2008, o Sangue Novo conta com aproximadamente 360 trabalhos inscritos e a cerimônia de revelação dos vencedores acontecerá no dia 30 de maio em lugar ainda a ser definido. “A inscrição do projeto foi feita com o intuito de obter um reconhecimento ainda maior dos trabalhos produzidos na FADEP”, destacou o professor Gelson. Vale lembrar que a faculdade já recebeu dois prêmios no Sangue Novo em outra oportunidade.

Fonte: Agência Experimental de Jornalismo da FADEP
Matéria: Ketlyn LourençoCoordenação e edição: Leonardo Handa (Jornalista / DRT 6323-PR)

12.2.08

ESPECIALIZAÇÃO


É PRA LÁ QUE EU VOU!

Aprovada para Especialização em Produção de Documentários.

Quem sou eu

Minha foto
Pato Branco , Paraná, Brazil
Jornalista da Tv Sudoeste, Rede TV! uma das emissoras da Rede Celinauta de Comunicação.